RESPONSABILIDADE CIVIL DO MÉDICO PELA FALHA NO DEVER DE INFORMAÇÃO, À LUZ DO PRINCÍPIO DA BOA-FÉ OBJETIVA

RESPONSABILIDADE CIVIL DO MÉDICO PELA FALHA NO DEVER DE INFORMAÇÃO, À LUZ DO PRINCÍPIO DA BOA-FÉ OBJETIVA

Autores

  • Eugênio Facchini Neto
  • Luciana Gemelli Eick

Resumo

MEDICAL LIABILITY FOR FAILURE IN THE DUTY TO INFORM UNDER THE PRINCIPLE OF OBJECTIVE GOOD FAITH

RESUMO: Busca-se, nesse estudo, analisar a responsabilidade civil do médico, enquanto profissional liberal, por falta ou deficiência de informações ao paciente, comprometendo o consentimento informado deste. Grande atenção foi dada ao princípio da boa-fé, nele encontrando-se um dos fundamentos para o dever de informação, uma vez que o dever de informar, na legislação consumerista, assume caráter de direito básico, devendo, portanto, ser observado. A inobservância do referido dever configura inadimplemento contratual, acarretando a responsabilidade civil ao médico quando, dessa ausência de informação, sobrevierem danos ao paciente, mesmo na ausência de culpa do médico.

PALAVRAS-CHAVE: Consentimento informado; dever de informar; princípio da boa-fé objetiva; responsabilidade civil.

ABSTRACT: This study analyzes the physician’s civil liability, as a liberal professional, in regard to the failure concerning the duty to inform his patient. Great attention was given to the principle of good faith, seen as one of the grounds for the duty to inform, since this duty, in consumer law, assumes the character of basic right and should therefore be observed. The failure to observe this duty leads to the breach of contract and puts the physician in the situation of civil liability, when the absence of information causes damages to the patient, even in the absence of doctor's fault.

KEYWORDS: Informed consent; duty to inform; principle of good faith; civil liability.

SUMÁRIO: Introdução; 1 O dever de informar do médico; 2 O consentimento informado; 3 Formas de expressão do consentimento; 4 O direito básico à informação e o princípio da boa-fé no direito privado brasileiro; 5 Responsabilidade civil do médico pela falha no dever de informação; 6 Críticas ao consentimento informado; Considerações finais; Referências.

SUMMARY: Introduction; 1 The medical duty to inform; 2 Informed consent; 3 Ways to expression the consent; 4 The basic right to information and the principle of good faith in Brazilian private law; 5 The physician’s liability for breach of the duty to inform; 6 Criticism of informed consent; Final considerations; References.

Referências

AGUIAR JÚNIOR, Ruy Rosado de. Responsabilidade civil do médico. Revista dos Tribunais, n. 718, p. 33-53, 1995.

______. Responsabilidade civil do médico. In: TEIXEIRA, Sálvio de Figueiredo (Coord.). Direito & medicina – Aspectos jurídicos da medicina. Belo Horizonte: Del Rey, 2000.

ALPA, Guido. Trattato di Diritto Civile. La Responsabilità Civile. Milano: Giuffrè, v. IV, 1999.

BARBOSA, Heloísa Helena. Responsabilidade civil em face das pesquisas em seres humanos: efeitos do consentimento livre e esclarecido. In: MARTINS-COSTA, Judith; MÖLLER, Letícia Ludwig (Org.). Bioética e responsabilidade. Rio de Janeiro: Forense, 2009.

BARROS JÚNIOR, Edmilson de Almeida. Direito médico – Abordagem constitucional da responsabilidade médica. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2011.

BEAUCHAMP, Tom L.; CHILDRESS, James F. Princípios de ética biomédica. Trad. Luciana Pudenzi. São Paulo: Loyola, 2002.

BORGES, Gustavo. Erro médico nas cirurgias plásticas. São Paulo: Atlas, 2014.

BRANCO, Gerson Luiz Carlos. Aspectos da responsabilidade civil e do dano médico. Revista dos Tribunais, São Paulo, v. 85, n. 733, p. 53-75, nov. 1996.

______. Responsabilidade civil por erro médico: aspectos. Revista síntese de Direito Civil e Processo Civil, n. 4, p. 128-51, mar./abr. 2000.

CAVALIERI FILHO, Sergio. Programa de responsabilidade civil. 6. ed. São Paulo: Malheiros, 2005.

CLOTET, Joaquim; FRANCISCONI, Carlos F.; GOLDIM, José R. (Org.). Consentimento informado e sua prática na assistência e pesquisa no Brasil. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2000.

______. Bioética: uma aproximação. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2003.

CORTÊS, Galán. Responsabilidad Médica y Consentimiento Informado. Madrid: Civitas, 2001.

COSTA, Sérgio; DINIZ, Débora. Bioética: ensaios. Brasília: S.I.F. Costa, D. Diniz, 2001.

COUTO E SILVA, Clóvis do. O princípio da boa-fé no direito brasileiro e português. In: FRADERA, Véra J. (Org.). O direito privado brasileiro na visão de Clóvis do Couto e Silva. Porto Alegre: Livraria do Advogado, 1997.

DINIZ, Maria Helena. O estado atual do biodireito. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2002.

FABIAN, Christoph. O dever de informar no direito civil. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2002.

FERREIRA ROSA, Paulo Jorge. A responsabilidade civil médica por violação do “consentimento informado” em Portugal. Coimbra, Estado da Arte, 2013. Disponível em: <https://estudogeral.sib.uc.pt/bitstream/10316/23852/1/paper%20consent%20info2.pdf>. Acesso em: 18 jul. 2015.

FORSTER, Nestor José. Erro médico. São Leopoldo: Unisinos, 2002.

FORTES, Paulo Antônio de Carvalho. Ética e saúde: questões éticas, deontológicas e legais, tomada de decisões, autonomia e direitos do paciente, estudos de casos. São Paulo: EPU, 1998.

FRADERA, Vera Maria Jacob de. A responsabilidade civil dos médicos. Revista da Ajuris, Porto Alegre, a. 19, n. 55, p. 116-139, jul. 1992.

GOGLIANO, Daisy. O consentimento esclarecido em matéria de bioética: ilusão de exclusão de responsabilidade. In: NERY, Rosa Maria de Andrade; DONNINI, Rogério (Coord.). Responsabilidade civil – Estudos em homenagem ao Professor Rui Geraldo Camargo Viana. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2009.

ITURRASPE, Jorge Mosset. Responsabilidad por daños. Santa Fe: Ed. Rubinzal Culzoni, t. VIII, 2004.

KFOURI NETO, Miguel. Culpa médica e ônus da prova: presunções, perda de uma chance, cargas probatórias dinâmicas, inversão do ônus probatório e consentimento informado: responsabilidade civil em pediatria, responsabilidade civil em gineco-obstetrícia. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2002.

______. Responsabilidade civil do médico. 5. ed. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2003.

LEIST, Anton. Autonomia e Giustizia. In: RODOTÁ, Stefano (Org.). Questioni di bioetica. Bari: Laterza, 1997.

LÔBO, Paulo Luiz Netto. A informação como direito fundamental do consumidor. Revista de Direito do Consumidor, n. 37, p. 59-76.

LORENZETTI, Ricardo Luis. Responsabilidad Civil de los Médicos. Buenos Aires: Rubinzal – Culzoni Editores, t. I, 1997.

MARQUES, Claudia Lima. Contratos no Código de Defesa do Consumidor: o novo regime das relações contratuais. 4. ed. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2002.

______. A abusividade nos contratos de seguro-saúde e assistência médica no Brasil. Revista da Ajuris, Porto Alegre, v. 64, n. 34, p. 34-77, jul. 1995.

______. A responsabilidade dos médicos e do hospital por falha no dever de informar ao consumidor. Revista dos Tribunais, São Paulo, v. 827, p. 11-48, set. 2004.

MARTINS-COSTA, Judith. A boa-fé no direito privado. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2000.

______. Comentários ao novo Código Civil. Rio de Janeiro: Forense, t. I, v. V, 2003.

______. Entendendo problemas médico-jurídicos em ginecologia e obstetrícia. In: FREITAS, Fernando et al. Rotinas em obstetrícia. 5. ed. Porto Alegre: Artmed, 2004.

MATHIEU, Bertrand. La bioéthique. Paris: Dalloz, 2009.

MENEZES CORDEIRO, António. Da boa-fé no direito civil. Coimbra: Almedina, 1984.

MIRAGEM, Bruno. Responsabilidade civil médica no direito brasileiro. Revista de Direito do Consumidor, , São Paulo: RT, n. 63jul./set. 2007.

______. Direito do consumidor: fundamentos do direito do consumidor; direito material e processual do consumidor; proteção administrativa do consumidor; direito penal do consumidor. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2008.

______. Direito civil: responsabilidade civil. São Paulo: Saraiva, 2015.

NICHELE, Rafael. A responsabilidade civil dos hospitais e o defeito na prestação dos serviços médicos. Revista da Ajuris, Porto Alegre: Ajuris, v. 30, n. 91, set. 2003.

OLIVEIRA, Guilherme de. Temas de direito da medicina. Coimbra: Coimbra, 1999.

OLIVEIRA, Mariana Massara Rodrigues de. Responsabilidade civil dos médicos. Curitiba: Juruá, 2007.

PENNEAU, Jean. La responsabilité du médecin. Paris: Dalloz, 1992.

PEREIRA, André Gonçalo Dias. O consentimento informado na relação médico-paciente – Estudo de direito civil. Coimbra: Coimbra, 2004.

PETRY, Franz Michael. Medical Practitioners’ Liability in German Law. In: FAURE, Michael; KOZIOL, Helmut (Ed.). Cases on Medical Malpractice in a Comparative Perspective. Wien: Springer-Verlag, 2001.

PITHAN, Lívia Haygert. O consentimento informado como exigência ética e jurídica. In: CLOTET, Joaquim; FEIJÓ, Anamaria Gonçalves dos Santos; OLIVEIRA, Marília Gerhardt de (Coord.). Bioética: uma visão panorâmica. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2005.

POLICASTRO, Décio. Erro médico e suas consequências jurídicas. 3. ed. Belo Horizonte: Del Rey, 2010.

PREVOT, Juan Manuel. Responsabilidad médica. Paraná (Argentina): Delta, 2007.

QUINTANA TRÍAS, Octavi. Bioética y consentimiento informado. In: CASADO, Maria (Ed.). Materiales de bioética y derecho. Barcelona: CEDECS Editorial, 1996.

RESTA, Giorgio. O acesso ao material biológico humano com fins de pesquisa e de aproveitamento industrial: questões relativas ao consentimento e à responsabilidade na perspectiva do direito comparado. In: MARTINS-COSTA, Judith; MÖLLER, Letícia Ludwig (Org.). Bioética e responsabilidade. Rio de Janeiro: Forense, 2009.

RODOTÁ, Stefano (Org.). Questioni di bioetica. Bari: Laterza, 1997.

SANTOS, Antonio Jeová. Dano moral indenizável. 4. ed. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2003.

SHAPO, Marshall S.; PELTZ, Richard J. Tort and Injury Law. 3. ed. Durham: Carolina Academic Press, 2006.

SILVA, Jorge Cesa Ferreira da. A boa-fé e a violação positiva do contrato. Rio de Janeiro: Renovar, 2002.

STOCO, Rui. Responsabilidade civil e sua interpretação jurisprudencial: doutrina e jurisprudência. 4. ed. rev., atual. e ampl. São Paulo: Revista dos Tribunais, 1999.

TEPEDINO, Gustavo. A responsabilidade médica na experiência brasileira contemporânea. Revista Trimestral de Direito Civil, São Paulo: Padma, v. 2, p. 41-75, abr./jun. 2000.

______. A responsabilidade médica na experiência brasileira contemporânea. In: Temas de direito civil. Rio de Janeiro: Renovar, t. II, 2006.

Downloads

Publicado

2016-07-01

Como Citar

FACCHINI NETO, E.; EICK, L. G. RESPONSABILIDADE CIVIL DO MÉDICO PELA FALHA NO DEVER DE INFORMAÇÃO, À LUZ DO PRINCÍPIO DA BOA-FÉ OBJETIVA. Revista da AJURIS - QUALIS A2, [S. l.], v. 42, n. 138, p. 51–86, 2016. Disponível em: https://revistadaajuris.ajuris.org.br/index.php/REVAJURIS/article/view/553. Acesso em: 17 jun. 2024.

Edição

Seção

DOUTRINA NACIONAL
Loading...